Monday, June 25, 2012

Coisas de mineiro


O mineiro adora falar "vai com Deus!" e "fica com Deus!", mas na hora de falar mal, quase sempre fala pelas costas.

O mineiro se acha o mais educado do mundo! Mas você tem que falar com ele no mesmo tom, se falar noutro tom - se vier de outro lugar, por exemplo, onde se usa outros tons - o mineiro não consegue entender.

Em Minas o mais provável é que olhem primeiro para os seus pés: para ver o que você está calçando. Toda a boa educação do mineiro para com a sua pessoa vai depender disso (e claro, da calça, blusa, bolsa, relógio, colar, pulseira, carro, etc. que você estiver usando).

O mineiro se acha muito inteligente, mas não sabe falar sobre religião, nem sobre política, nem sobre futebol. Assim, é e será sempre escravo.

O mineiro não gosta de sair de casa para conhecer o mundo. Viaja rapidinho pra praia e já volta cheio de saudade. Poucos deixam de morar no seu estado natal. O amazonense também é assim, mas ele está no Amazonas.

O mineiro é um povo trabalhador. Ao invés de aproveitar a vida, trabalha. Ao invés de fazer festa, trabalha. Ao invés de sentir prazer, trabalha. Vida, festa e prazer são pecado, o trabalho enobrece o homem - só não sabe o mineiro que tudo isso foram padres que inventaram para escravizá-lo.

O mineiro defende o padre, não com unhas e dentes, mas com seu silêncio.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home