Wednesday, February 21, 2007

Sociobiologia prática I

O tempo que cada um gasta pode ser dividido em categorias:

S social
R rapid energy
s self
i inanimate
v vocalization
V visual survey

Algumas espécies já foram medidas quanto a isso. Por exemplo, para macacos barrigudos (Woolly monkeys, Lagotrix lagotricha), temos algo como

SSSSSSSSSSSSSSSSSSsRiiivvVVV

e para os macacos stump-tailed(???), temos:

SSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSivv

com os demais traços praticamente desprezíveis.

Já o lêmure ring-tailed (???) é

SSSSssRRRiiivvVVVVVVVVVVVVVV

Como ficaríamos nós, humanos?

Quanta variação existe entre um caçador-coletor e um homem solteiro que trabalha 8 horas por dia numa fábrica, tem um carro e mora só num apartamento?

Entre um habitante da Europa medieval e um europeu atual?

Entre um amigo de Jesus de Nazaré e um amigo de Sidarta, o Buda? E entre os próprios? Ou os próprios e seus amigos?

Aí está um ramo da sociobiologia digno de estudo.

Imagino o gráfico humano, das pessoas urbanas de hoje, algo como

SSSSSSSSSSRsssssssssiivvvvVVVVVVVV

Classificando cada categoria como:

S, qualquer tipo de relação entre duas ou mais pessoas, que envolva interatividade sem diálogo. Transar, beijar, fazer carinhos, trocar fralda, olhar nos olhos, escutar música junto, beber cerveja, fumar um baseado, rezar em conjunto, assistir a um show ou partida de futebol (in loco).

R, movimentos enérgicos, como trabalhos forçados ou esportes.

s, tempo gasto consigo mesmo, escovando os dentes, comendo, coçando-se, etc.

i, inanimado, acordado, porém imóvel, sem olhar para nada em especial, pensando, divagando, sonhando acordado, ou concentrado e imóvel.

v, vocalização, todos os sons ditos, seja cantando no chuveiro ou conversando ao vivo, por telefone, videoconferência, etc. Só é contado o tempo em que a pessoa fala, não aquele em que escuta.

V, pesquisa visual, atenção em algum objeto ou interlocutor, o tempo gasto ouvindo durante as conversas; usar um computador ou assistir TV ou cinema, mesmo em grupo, entra aqui.


Façamos essa pesquisa para entender melhor a sociobiologia humana. Mande um e-mail com descrições de pessoas que você conhece, ou de você mesmo, sem se identificar nem a ninguém mais, para rodrigo1406 em gmail.com. Mande também suas dúvidas e acompanhe aqui os resultados.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home