Sunday, November 18, 2007

Qual tem mais força, a verdade ou a mentira?

"A riqueza não torna um homem rico, só o torna mais ocupado."
(Apocalypse Now - Coronel Kurtz)

Reconhecemos virtude numa pessoa honesta, mas foi a habilidade de mentir - e de descobrir mentiras - que impulsionou a evolução da nossa inteligência. Os outros animais podem disfarçar, esconder, despistar, mas não podem mentir.
Tudo que é poderoso no mundo foi erigido sobre mentiras. Impérios, governos, guerras, religiões. Todos os valores modernos não passam de falsidades mascaradas: o predomínio do capital sobre o trabalho, a democracia, a fidelidade no casamento, a fidelidade partidária, a crença generalizada em medicamentos, os benefícios do conforto, a valorização excessiva e exclusiva do bem-estar, a necessidade e os méritos do trabalho, o progresso, as exportações, a imprensa, todo tipo de propaganda.
O que é bom se propaga sem esforço - somos máquinas de copiar, é para isso que serve a linguagem. Mas também para complicar o que é simples, como maneira de uma minoria roubar da maioria tudo de que essa maioria pode ser subtraída e ainda existir, sem outro propósito senão o de trabalhar para sustentar, e com luxo, aquela minoria.
Somos tão bárbaros como sempre fomos, como foram os incas, vikings, egípcios e chimpanzés, com a diferença que somos hoje, certamente, muito mais dissimulados. Dissimulados e alienados, e ainda, vítimas de uma crescente distância vertical entre ricos e pobres.

Somos parte animal, parte deuses.
Parte realidade concreta, parte desvario e imaginação. Parte trabalho, parte arte. Parte verdade, parte mentira. Cada um de nós escolhe o extremo que mais lhe agrada, e eu não sei se o melhor equilíbrio fica na média distância entre os dois.

***

A honestidade é uma virtude, mas virtude não é força. O mais importante na vida é a própria vida, e viver bem. Para isso é preciso vencer os que buscam a todo tempo nos enganar, e esses são muitos. Os livros nos ajudam a reconhecer alguns tipos de mentira; mas o aprendizado definitivo, a arte de detectar as mentiras na fonte, não pode ser ensinada pelos livros.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home