Saturday, April 09, 2011

[alguns anos atrás]

Até outubro!

Fiz vinte e seis anos em junho, e me sinto jovem, muito jovem. Lá onde trabalho a maioria dos meus colegas de repartição têm mais de trinta e poucos. Isso me dá uma puta vantagem, principalmente porque posso me permitir uma dose de irresponsabilidade muito maior que a de um respeitável funcionário público, que é o que eles acham que são. Sei lá, espero não ficar muito certinho quando envelhecer mais um pouco. Espero conseguir varar madrugadas na farra durante muito tempo ainda. Espero conseguir ainda por longos anos sair de casa sem rumo, andando a pé, conhecer alguém numa quebrada qualquer, tomar uma gelada, rachar a conta e conhecer assim um pouco mais do universo humano e das estranhas cidades por onde gastamos nossos preciosos anos.

E vem um amigo meu, conversando pelo telefone com um amigo dele, dizer que "...pois é, fiz vinte e quatro, tô ficando velho já. É foda né?..." E isso, e aquilo, ficou enumerando alguns problemas como faria um velho de sessenta anos. Fala sério!

Meu irmão engravidou a mulher dele. Primeiro filho do casal, minha irmã já me deu uma sobrinha, agora vou ganhar um sobrinho [agorá já são 3]. Acho que está bom. Filhos, quem sabe? Mas ele falou sobre como estamos mais ou menos na idade que nossos pais tinham quando se casavam e nos planejavam (ou não). Engraçado - é muito bom ter essa sensação que eu estou novo mesmo, porque já cheguei tão longe e ainda tenho um mundo inteiro pra conhecer. Não consigo entender pessoas que não têm essa coceira, essa necessidade insaciável de conhecer lugares diferentes, de aprender coisas novas, de se modificar, de não ter hoje a mesma opinião formada sobre tudo que se tinha anteontem.

Sempre dá vontade de terminar um post com alguma mensagem legal, com aquele pensamento que pensei outro dia e era mesmo muito legal, mas a gente quase nunca lembra na hora de escrever... Então vai esse aqui do Amyr Klink, o cara que atravessou o Atlântico sem motor:

"Um dia é preciso parar de sonhar e partir."

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home