Thursday, August 13, 2009

Citações de Mao Tse-Tung

"A nós, compete-nos organizar o povo. É a nós que cabe organizar o povo para abater os reacionários na China. Tudo o que é reacionário é sempre igual: se não o golpeias, não cai. É como quando se varre o chão: como é normal, ali onde a vassoura não passa, a poeira não desaparece por si mesma."

- 13 de agosto de 1945.

"Dogmatismo e revisionismo, ambos são contrários ao marxismo. Seguramente, o marxismo tem de avançar, desenvolver-se com o desenvolvimento da prática, não pode ficar parado. O marxismo deixaria de ter vida se ficasse estagnado, estereotipado. Contudo, os princípios básicos do marxismo não devem ser violados; violá-los seria cometer erros. Constitui dogmatismo abordar o marxismo de um ponto de vista metafísico e tomá-lo como algo rígido. Constitui revisionismo negar os princípios básicos do marxismo, negar a sua verdade universal. O revisionismo é uma forma da ideologia burguesa. Os revisionistas apagam a diferença entre o socialismo e o capitalismo, entre a ditadura do proletariado e a ditadura da burguesia. Na realidade, o que eles propõem não é a linha socialista mas sim a capitalista. Nas circunstâncias atuais, o revisionismo é mais pernicioso que o dogmatismo. Uma das nossas importantes tarefas atuais na frente ideológica é proceder à crítica ao revisionismo."

-12 de março de 1957.

"O revisionismo ou oportunismo de direita é uma corrente burguesa de jpensamento ainda mais perigosa do que o dogmatismo. Os revisionistas, os oportunistas de direita, defendem de boca o marxismo e atacam também o 'dogmatismo'. Na realidade, porém, o que eles atacam é a própria essência do marxismo. Eles combatem ou deturpam o materialismo e a dialética, combatem ou tentam enfraquecer a ditadura democrática popular e o papel dirigente do Partido Comunista, tanto como combatem ou tentam enfraquecer a transformação e a construção socialistas. Mesmo depois da vitória de base da revolução socialista no nosso país, ainda existem pessoas que sonham em restaurar o sistema capitalista, e combatem a classe operária em todas as frentes, incluída a frente ideológica. Nessa luta, os revisionistas são os seus melhores ajudantes."

- 27 de fevereiro de 1957.


As relações entre "revisionismo" e "pós-modernismo" ainda escapam aos meus horizontes.


"A Primeira Guerra Mundial foi seguida do nascimento da União Soviética com uma população de duzentos milhões de habiantes. A Segunda Guerra Mundial foi seguida pela formação de um campo socialista com uma população que atinge um total de novecentos milhões de indivíduos. Se os imperialistas insistem em desencadear uma terceira guerra mundial, com toda a certeza várias centenas de milhões de homens mais passarão ao socialismo, não ficando então muito mais espaço na terra para os imperialistas, e sendo até possível que a estrutura imperialista se desmorone completamente."

- Sobre a justa solução das contradições no seio do povo, 27 de fevereiro de 1957.

"Provocar desordens, fracassar, voltar a provocar desordens, fracassar de novo ... até à sua própria ruína - eis a lógica dos imperialistas e de todos os reacionários do mundo com relação à causa do povo; jamais eles marcharão contra tal lógica. Essa é uma lei do marxismo. Quando dizemos que 'o imperialismo é feroz', nós queremos dizer que a sua natureza nunca mudará, que os imperialistas jamais abandonarão o seu facalhão de carniceiro, jamais se tranformarão em budas, e seguirão assim até à sua própria ruína.
"Lutar, fracassar, voltar a lutar, fracassar outra vez, lutar de novo ... até à sua vitória - eis a lógica do povo, contra a qual ele, igualmente, jamais marchará. Essa é uma outra lei marxista; lei seguida pela revolução do povo russo, e que tem sido também seguida pela revolução do povo chinês."

- Abandonai ilusões e preparai-vos para a luta, 14 de agosto de 1949. (Grifo meu.)

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home