Thursday, July 24, 2008

Filosofia é Virtude

A religião monoteísta é o ápice da tecnologia/engenharia social: nenhum outro instrumento retira tanto poder do povo, entregando-o de mãos beijadas aos poderosos. Por isso nenhum governo a enfrenta: ela torna a governança (bem como o desgoverno) muito mais fácil.

"Afaste-se da árvore do conhecimento", mas conhecimento é poder. Logo, afaste-se do poder, não ambicione, seja manipulável. Permita que a sociedade se erga verticalmente, afastando indefinidamente as decisões dos interesses do povo. Religião é só isso. Espiritualidade é outra coisa, uma coisa individual.

Cada livro que explica uma faceta da realidade é um tiro no muro da religião. Mas este muro, cimentado cedo numa cabeça jovem, é espesso demais, são precisos muitos livros para derrubá-lo.

Para quê derrubá-lo? Para permitir à mente cativa ver o horizonte e entender que "posso estar errado", "todos podemos estar errados"; "nenhum conhecimento é infalível", " e se eu estiver errado, como seriam as coisas? Quais seriam as conseqüências das minhas ações?"; "entre tantas crenças disponíveis, e se eu olhar outra e outra e outra... e até nenhuma? Sim, todas podem estar certas, como podem estar erradas. O que eu sei de fato?"

O resto nasce daí.

0 Comments:

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

Links to this post:

Create a Link

<< Home